16-12-2015

Ideias de empreendedorismo solidário premiadas com um ano de universidade

A comunidade escolar famalicense foi convocada para gerar atos empreendedores solidários. Este é o principal propósito do Concurso X-ATO que a Câmara Municipal, através da Rede Famalicão Empreende, já apresentou aos alunos do 12º ano do ensino recorrente ou profissional, matriculados neste ano letivo, no âmbito do projeto Empresariato. Os autores da melhor proposta vão ter direito a propinas gratuitas no primeiro ano de licenciatura nas duas universidades do concelho.

No âmbito deste desafio os jovens estudantes vão desenvolver filmes com ideias a favor da comunidade, nomeadamente entidades da economia social, famílias ou indivíduos, que depois vão apresentar às empresas do universo Famalicão Made IN para que estas as coloquem em prática.

O envolvimento do meio escolar nesta iniciativa de grande sentido e simbolismo solidário, na perspetiva da educação para o empreendedorismo, em que a partir de pequenos atos se procura desenvolver e aplicar o espírito de corrente, confere ao Concurso X-ATO um traço diferenciador.

O prazo para submissão de filmes com propostas de atos empreendedores solidários termina a 26 de fevereiro de 2016, sendo que a participação dos alunos só é admitida em grupos constituídos no âmbito de uma turma (com um total de 3 ou 4 elementos). De entre as dez propostas finalistas que um júri selecionará, a população estudantil votará nas suas preferidas para se encontrar a vencedora.

Os alunos com a melhor ideia recebem como prémio propinas gratuitas no primeiro ano de licenciatura em cursos da Universidade Lusíada ou da CESPU.

As normas de participação e o formulário de candidatura estão disponíveis AQUI.

Partilhar ››

‹ VOLTAR